Quatro Barras

Micro usina traz economia e sustentabilidade a Quatro Barras

(Foto: Diego Tiller/PMQB)

A micro usina fotovoltaica instalada pela prefeitura de Quatro Barras já trouxe resultados em seu primeiro mês de uso. Ao captar a luz solar e transformá-la em energia limpa, o sistema pioneiro na região metropolitana permite sustentabilidade e economia à administração pública.

Começando a operação no final de junho, foram poupados R$ 6,4 mil dos cofres públicos até agora. A geração de energia pela micro usina foi de 7430kWh (quilowatts-hora), que abastece por inteiro os prédios da Secretaria de Educação e o prédio central da prefeitura.

O sistema deverá gerar uma economia de R$ 85 mil por ano, segundo cálculos do Departamento de Urbanismo. A garantia do sistema é de 25 anos, resultando em quase R$ 2 milhões economizados dos cofres públicos no período.

Os cálculos e a idealização do projeto foram feitas pelo coordenador administrativo da pasta, Gilson Sydor. Para o servidor, as vantagens do sistema vão além da economicidade, já que a sustentabilidade é um dos pilares da usina.

"A cada 10 mil quilowatts-hora de energia limpa produzida, evitamos despejar na atmosfera 100 quilos de gás carbônico e preservamos quatro árvores", explica Sydor.

Além desses benefícios, o projeto pode atrair futuros empreendedores para ações de portes ainda maiores. "Temos potencial para ser um celeiro, não somente aqui no cinturão verde de nossa região metropolitana, mas regional na questão de produção de energia limpa e sustentável", afirma o coordenador.