Governo edita MP que destina R$ 6,4 bi para compra de vacinas

O governo federal editou uma medida provisória nesta sexta-feira (24) que abre crédito extraordinário para a compra de vacinas voltadas ao combate à pandemia da covid-19. A MP prevê uma suplementação orçamentária no valor de R$ 6,4 bilhões. 

Segundo o Ministério da Economia, o recurso será disponibilizado ao Fundo Nacional de Saúde e à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A Fiocruz possui parceria com o consórcio formado pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca para a fabricação de vacina contra a covid-19.

A Agência Brasil entrou em contato com o Ministério da Saúde solicitando mais informações sobre quantas doses de quais imunizantes serão adquiridas com o recurso e aguarda retorno.