Upa 24h de Piraquara amplia a capacidade de atendimento e reorganiza o fluxo dos pacientes

A Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24h de Piraquara ampliou a capacidade de atendimento e alterou o fluxo dos pacientes. O espaço físico foi alterando com a instalação de módulos habitáveis que possibilitaram a abertura de novos leitos, além da criação de um espaço específico para atender os pacientes em geral, separados dos casos suspeitos de Covid-19.

O novo espaço dispõe de dois consultórios, sala de medicação, banheiro e sete novos leitos de enfermaria. A estrutura provisória habitável é climatizada com ambiente confortável e seguro para acomodação dos pacientes. Além de ampliar a capacidade de atendimento, a instalação otimiza o atendimento da UPA 24h e gera uma economia para o município que mantinha leitos de retaguarda em um espaço fora da unidade.

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, Glaucia Buss Guimarãres, é mais uma ação da Prefeitura de Piraquara no enfrentamento a Covid-19. “Desde o início da pandemia a UPA 24h é a referência para o atendimento e passou por diferentes reorganizações. Mudamos o fluxo, ampliamos as equipes, insumos médico-hospitalares, equipamentos de suporte ventilatório e kit entubação. Além disso,  ampliamos 30 leitos, totalizando 45 leitos de internação. Essas ações visam garantir o atendimento intermitente da população de Piraquara”, explicou.

O Prefeito de Piraquara, Josimar Fróes, visitou a nova instalação na última sexta-feira, dia 11 de junho, e destacou as constantes ações do município para assistir a população nesse momento. “São várias as frentes que estamos atuando para prevenir, vacinar e atender as pessoas nesse momento. O município não mede esforços para garantir a assistência da população, mas também reitera a necessidade dos cuidados serem mantidos por todos”, enfatizou.

MUDANÇA NO FLUXO DE ATENDIMENTO

No primeiro atendimento os pacientes passam pela classificação de risco realizado por enfermeiros e após são encaminhados para o interior da unidade com estratificação de risco já realizada. As pessoas com suspeita do COVID 19 serão direcionados a uma ala exclusiva da UPA, já os demais pacientes serão atendidos na nova estrutura instalada, sem contato com casos suspeitos.

O novo espaço garante um fluxo mais adequado de atendimento devido o aumento de casos respiratórios na unidade, e a disponibilidade de leitos de internamento nos módulos habitáveis, liberando os leitos internos para os pacientes que necessitam de oxigênio e atendimento mais complexo devido ao covid-19.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *