Verão: Cuidados para evitar a dengue

Com a chegada do verão, os casos de dengue se multiplicam em todo o país. Apenas no Estado do Paraná, entre os dias 21 de dezembro e 4 de janeiro, foram 552 casos confirmado pela Secretaria Estadual de Saúde.

A partir disso, é necessário retomar os cuidados contra a procriação do mosquito. A proliferação do Aedes Aegypti se da por meio de recipientes com água parada, como vasos de plantas, pneus, garrafas práticas, piscinas sem uso e sem manutenção, etc.

Além da dengue, o mosquito Aedes Aegypti também é o transmissor da Febre Amarela, Zika e Chikungunya. Por isso, é importante tomar medidas de prevenção durante o ano todo.

Entre os principais cuidados estão:

– Não deixar água parada;

– Deixar sempre tampadas e lavadas as caixas d’água, poços, cacimbas, tambores de água ou tonéis, cisternas, jarras e filtros;

– Colocar areia fina até a borda do pratinho de planta para impedir o acumulo de água;

– Plantas que possam acumular água devem ser tratadas com água sanitária na proporção de uma colher de sopa para um litro de água, regando no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas;

– Sempre retirar e lavar a bandeja externa da geladeira;

– Ao trocar o garrafão de água mineral, lava o suporte no qual a água fica acumulada;

– Lavar e trocar a água dos bebedouros de animais no mínimo uma vez por semana;

– Limpar frequentemente as calhas e a laje das casas;

– Manter a piscina sempre limpa e tratada com cloro;

– Manter o quintal limpo, recolhendo o lixo e detritos em volta das casas, limpando os latões e mantendo as lixeiras tampadas;

– Não jogar lixo em terrenos baldios, construções, ruas e praças.

Além desses cuidados, é recomendado fazer o uso de repelentes e inseticidas que diminuem as chances da picada do mosquito.