Ações de fiscalização fecham seis estabelecimentos com aglomeração de pessoas em Curitiba

Em ação realizada na tarde e noite do sábado (26), em Curitiba, as equipes da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) voltaram a fechar estabelecimentos que descumpriam as medidas sanitárias de combate à Covid-19, com aglomerações e festas sem o uso de máscara de proteção, e outras irregularidades.

De acordo com o balanço, os agentes da AIFU fiscalizaram nove pontos comerciais que tinham denúncias de descumprimento dos decretos estadual e municipal e seis foram fechados por irregularidades. Também foram lavradas 21 autuações administrativas. Em todos os locais fiscalizados foram localizadas 590 pessoas, das quais 315 foram abordadas e três detidas.

Em uma das situações, no bairro Boqueirão, as equipes abordaram um estabelecimento comercial onde havia, aproximadamente, 200 pessoas, a maioria sem fazer o uso de máscara, ingerindo bebida alcóolica e dançando em frente a um palco. A Secretaria Municipal de Urbanismo aplicou um Auto de Infração no valor de R$ 50 mil e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente aplicou uma multa no valor de R$ 5 mil pelo uso de som mecânico sem autorização.

Em outro estabelecimento, no bairro Cajuru, os agentes da AIFU encontraram cerca de 100 pessoas, a maioria sem máscara, em local com palco e música alta. A de Urbanismo aplicou uma multa no valor de R$ 20 mil e a Secretaria de Meio Ambiente aplicou um Auto de Infração no valor de R$ 5 mil por uso de som sem autorização.

Ainda segundo os Boletins de Ocorrência, nas duas situações, os proprietários foram encaminhados ao cartório do 20º BPM para a assinatura do Termo Circunstanciado após ser verificada reincidência da mesma conduta.

Já em uma abordagem no bairro Parolin, as equipes, além de constatarem que o local estava descumprindo os decretos vigentes, encontraram 24 maços de cigarros contrabandeados, que foram apreendidos.

Durante as fiscalizações, as equipes também abordaram oito veículos, aplicaram 46 autos de infração de trânsito, sendo todos os carros recolhidos ao pátio.

Neste sábado participaram da AIFU a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, a Guarda Municipal, a Polícia Civil, a SETRAN, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Secretaria Municipal de Urbanismo e percorreram os bairros: Alto da XV, Batel, Bigorrilho, Centro, Centro Cívico, Cajuru, Uberaba, Alto Boqueirão, Água Verde, Parolin e Caiuá.

Polícia Civil dispersa festa clandestina com cerca de 200 pessoas em Piraquara

Na madrugada deste domingo (27/06), a Polícia Civil do Paraná (PCPR) dispersou uma aglomeração em uma festa clandestina com cerca de 200 pessoas. A ação ocorreu na cidade de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, e resultou no encaminhamento em flagrante de um dos responsáveis pela organização da festa.

De acordo com a delegada Aline Manzatto, a ação dos policiais civis ocorreu no início da madrugada de sábado para domingo, em uma região mais afastada da cidade, na parte rural.

“Alguns dos organizadores do evento conseguiram fugir pela mata próxima, porém contra eles  poderá ser instaurado um inquérito policial e até mesmo um pedido de prisão. Um dos responsáveis pela iluminação da festa foi preso em flagrante e responderá pelo crime de infração à medida sanitária preventiva”, diz.

Ainda de acordo com a delegada, nesta madrugada, os policiais civis em serviço fizeram parte de uma ação de fiscalização referente ao decreto estadual nº 4886/2021, que estabelece medidas restritivas por conta da pandemia do coronavírus.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *