Frio redobra cuidados com manutenção dos aquecedores de água a gás

A Companhia Paranaense de Gás (Compagas) lançou nas suas redes sociais uma campanha para reforçar a importância da ventilação dos ambientes e da manutenção dos aquecedores de água a gás. O objetivo é informar os cuidados necessários e alertar para os riscos do acúmulo de um gás tóxico: o monóxido de carbono (CO). Sem cheiro nem cor, este gás é de difícil percepção e sua inalação pode ser fatal.

“Para evitar acidentes com o monóxido de carbono, é necessário cuidado especial com a ventilação permanente dos ambientes e com a instalação dos aparelhos a gás, principalmente dos aquecedores, conforme as normas técnicas de segurança” destaca Mauro Melara, gerente comercial da Compagas.

Ele explica que os aquecedores a gás precisam estar instalados em uma área ventilada e devem ser mantidos em bom estado de conservação. “Outro ponto importante é a revisão periódica que deve ser realizada a cada 12 meses ou conforme orientações do fabricante de cada aparelho”.

Em caso de qualquer defeito ou mau funcionamento é indispensável a verificação por uma assistência técnica autorizada. É importante, ainda, conferir a instalação dos aparelhos para que esteja de acordo com as normas técnicas. “Os requisitos técnicos necessários nos locais de instalação constam nas normas técnicas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Por isso, é importante que a assistência técnica seja tecnicamente habilitada e conheça os termos da norma”, diz o gerente.

A Compagas disponibiliza uma lista de empresas credenciadas para a prestação dos serviços de manutenção dos aparelhos a gás. Consulte em AQUI.

CORES DA CHAMA

Alguns sinais no fogão podem indicar que nem tudo está correndo bem no funcionamento do eletrodoméstico. “A chama dos aparelhos deve ser de cor azul. Se houver outra coloração (amarela, alaranjada ou roxa), o aparelho pode estar funcionando de forma defeituosa e, certamente, de forma ineficiente, consumindo mais gás do que o normal. Neste caso, um profissional tecnicamente habilitado deve ser chamado imediatamente”.

OLHO NO AQUECEDOR 

Por ser o aparelho que mais consome gás em toda a casa, o aquecedor de água merece especial de atenção. Os dutos das chaminés precisam estar sempre desobstruídos, sem sinal de amassamento e instalados de forma regulamentada. Se houver manchas escuras no aparelho, isso pode significar retorno do efluente ou até mesmo vazamento no duto.

Diminua o tempo no banho: a cada 15 minutos você consome quase 1 metro cúbico de gás natural e cerca de 70 litros de água;

Ajuste a temperatura no aquecedor para evitar abrir o registro de água fria. Uma temperatura entre 38º e 42º é suficiente para esquentar a água;

Cozinhe com as panelas tampadas e ao usar o forno evite abrir e fechar a porta com frequência.

Garanta a manutenção dos seus aparelhos a gás. Assim, é possível garantir mais eficiência, segurança e economia na utilização.

SOBRE A COMPAGAS 

Empresa de economia mista, tem como acionista majoritária a Copel, com 51% das ações, a Gaspetro, com 24,5% e a Mitsui Gás e Energia do Brasil, com 24,5%.

Em março de 2000, a empresa passou a ser a primeira distribuidora do Sul do país a fornecer o gás natural canalizado aos seus clientes, com a inauguração do ramal sul do gasoduto Bolívia – Brasil (Gasbol).

Atualmente, a Compagas conta com quase de 50 mil clientes dos segmentos residencial, comercial, industrial, veicular e geração de energia elétrica. Está presente em 16 municípios: Araucária, Curitiba, Campo Largo, Balsa Nova, Palmeira, Ponta Grossa, São José dos Pinhais, Colombo, Quatro Barras, Fazenda Rio Grande, Pinhais, Campina Grande do Sul, Paranaguá, Carambeí, Castro e Arapoti.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *